5 Discos Super Raros (e Caros) de Samba-Rock

Dj Lu lista 5 álbuns indispensáveis para qualquer colecionador do estilo.

O termo Samba-Rock já foi discutido inúmeras vezes Redes Sociais e sites especializados portanto, se você ainda não entendeu o que é o Samba-Rock, recomendo que dê uma passada no site http://www.sambarocknaveia.com.br, lá a galera é especialista no assunto. Material é o que não falta para que você entenda de uma vez por todas que Samba-Rock não é um estilo musical.

Os discos que vamos listar agora foram selecionados por DJ Lu, um dos maiores colecionadores de São Paulo.
Dj Lu se especializou no estilo e conhece muito sobre o assunto. Segundo ele, os discos listados abaixo são dos mais cobiçados por colecionadores, se você possui algun destes discos, guarde-os com carinho pois, mesmo com todas as facilidades que a internet pode nos proporcionar, estes discos são difíceis de se encontrar em boas condições e além disso os preços normalmente chegam a ser proibitivos.

Há muitos discos raros e que tocam com frequência nos bailes, inclusive os internacionais mas para esta lista, DJ Lu nos apresenta apenas 5 deles, com foco em músicas brasileiras.

5 – D’Angelo – Muito Incrementado (1968)

dangelo

Esta música é muito tocada nos bailes black, normalmente encontrada em discos piratas ou coletâneas mas o álbum original e muito difícil de se encontrar e também muito caro. Há uma cópia a venda no Mercado Livre pela bagatela de R$ 1.500,00, tá afim? Segue o link: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-814952311-d-angelo-e-seu-conjunto-incrementado-lp-equipe-excelente-_JM
O single foi lançado em 1968 somente para as rádios e três meses depois o LP. Ambos os formatos são muito cobiçados.

  

4 – The Pops – Que é Isso Menina (1969)

Banda formada na época da Jovem Guarda, considerada um clássico dentre os apreciadores do estilo e mesmo com tantas compilações extras, a versão 7″ (compacto) é uma preciosidade.
Interessante a temática, o automóvel já fazia parte dos sonhos de muitos jovens daquela época… sem caranga, sem brôto!

 
 

3 – Elizabeth Viana – Se você Quiser Mas Sem Bronquear(1969)

elizabete

Compacto duplo e como o colecionadores dizem “com capinha”. Aqui além da música em destaque está o super clássico do Samba-Rock “Meu Guarda-Chuva” escrita por Jorge Ben. O curioso desta faixa é que ela fez parte integrante das partidas de futebol nos estadios brasileiros em 1970. Esta preciosidade não sai por menos de R$ 500,00 caso você encontre.

 
 

2 – Embalo R – Vou Me Pirulitar (1969)

embalo

Outro grupo de música jovem. Temos aqui mais uma música escrita por Jorge Ben e gravada originalmente no segundo disco dos Originais do Samba. O termo “pirulitar” foi amplamente usado em toda a carreira do comediante Antônio Carlos Bernardes Gomes, o Mussum do quarteto “Os Trapalhões”. E como muitos já sabem, ele foi membro da banda Os Originais do Samba.

 
 

1 – Heraldo do Monte – O Violão de Heraldo do Monte (1970)

heraldomonteDisco instrumental do multi-instrumentista Heraldo Monte, que também é considerado até hoje como um dos maiores violonistas brasileiros.
Existe duas faixas de Jorge Ben neste álbum, mais um motivo para ser super cobiçado. Além disso há também a versão instrumental (só violão) da música “Eu Vou Me Pirulitar” já citado acima. Este aqui é pra pirar qualquer colecionador, difícil até mesmo de encontrar uma faixa exemplo para esta lista.
Interessante a importância de Jorge Ben (Jorge Ben Jor) no cenário Samba-Rock, além de suas próprias obras que são referência no assunto, ele ainda contribuía em obras de outros artistas.
Jorge Ben é muito mais do que aparenta ser ou foi, depende de se ponto de vista.
Para os amantes do Samba-Rock, ele é simplesmente o rei.

 
 
 

Com isto finalizamos a nossa lista top 5, nossos agradecimentos ao DJ Lu, O Mago do Samba-Rock.
Facebook: https://www.facebook.com/DjLuOmagodoSambarock

Eventos na Avenida Paulista

Se você aprecia não só o Samba-Rock raro cultuado por DJ Lú mas também outros estilos de música negra como Funk, Soul e Rap, não deixe de comparecer todos os domingos na Avenida Paulita, altura do número 1424 (Metrô Trianon Masp).
Lá, os DJ’s: Lú, Edimilson, Tobé, Paulinho JF, Tadeu, Sanzo, Rodnei se apresentam gratuitamente para os apreciadores da mais pura “Black Music”.

 
 
 
 

Comentários

comentários