Após Mais de 6 Anos de Produção, Cine Biografia de Tupac Shakur, “All Eyez on Me” Foi Lançada.

All Eyez On Me, Cinebiografia de Tupac Shakur Não Agradou a Crítica

all-eyes-on-me-miniApós longos 6 anos de produção do filme “All Eyez on Me” foi finalmente lançado nos EUA mas ao que parece o filme não agradou.
O filme lançado hoje (16) custou cerca de 40 milhões de dólares e já é alvo de críticas negativas, os fãs esperavam muito mais desta mega produção. O filme que prometia contar a verdadeira história de Tupac Shakur parece que decepcionou.
Segundo tabloides houve um certo abuso no uso de cenas violentas, palavra de baixo calão e sexo, além da conhecida conspiração que ficou totalmente de fora.
O filme era para ter sido dirigido por John Singleton, o mesmo quem dirigiu Boyz N The Hood e que já trabalhou diretamente com Tupac Shakur mas, por diferenças criativas abandonou o projeto em 2015.
Após isto, ciente de que o filme seria um lixo, Singleton simplesmente passou a ignorar tudo relacionado à produção e nem mesmo chegou a ver os traillers.

all-eyes-on-me-mini2Ao que parece, Singleton estava certo, a mídia digital norte americana está “malhando” o filme, enquanto isso, grupos de fãs brasileiros do rapper procuram dar um jeito de acelerar o processo de tradução para que todos possam vê-lo por aqui. Nos cinemas brasileiros ainda não se sabe se haverá exibição.

Bem, incoerências e um pouco de mentirinha sempre acontece em cinebiografias, como ocorreu com o filme sobre a vida de James Brown.
Muito do que foi contado na história, não bate com alguns fatos mencionados na biografia autorizada, escrito por de R.J. Smith.
Na cinebiografia de Notorious Big, é nítida a preocupação que tiveram com a imagem a ser passada sobre o artista.
Em All Eyez on Me, pelo que estão dizendo pegaram um pouco pesado… será?
Vamos aguardar a nossa vez!

Ah! Sobre a conspiração é o seguinte: segundo os teóricos, Tupac Shakur está vivo. Mas é claro, são apenas conspirações assim como há também sobre Michael Jackson, Paul McCartney, Elvis, etc…

Veja o Trailler:

Analista de Sistemas apaixonado pela Cultura Hip-Hop.

Comentários

comentários