Tudo na Nuvem, Chega de Downloads!


http://www.spotify.com
http://www.spotify.com
Já está disponível no Brasil o maior serviço de música por streaming do planeta: o Spotify!
Nós da CBMN já estávamos testando antes mesmo de seu lançamento oficial em terras brasileiras mas não pense que
tínhamos qualquer privilégio, pelo contrário, entramos em uma longa fila de espera para testar o serviço antes mesmo de mencionarem que estavam negociando algo por aqui e a conclusão que chegamos é que o Spotify realmente cumpre o que promete, isto se não for problema pra você ouvir músicas internacionais pois as Brasucas ainda estão ausentes lá em sua maioria. Ainda falta muito pra ser perfeito mas o serviço é simplesmente incrível, em outra oportunidade faremos um tutorial de Spotify para os marinheiros de primeira viagem.

http://www.deezer.com
http://www.deezer.com
O Spotify não é o primeiro no Brasil nem de longe, o Rdio já está ativo há tempos, além do Deezer que inclusive permite acessa-lo até mesmo por meio de smart tv’s.
Tivemos a era dos downloads de músicas em formato MP3 que se iniciou no final dos anos de 1990 e que caminha agora a passos largos para a extinção.
Talvez eu esteja exagerando mas o fato é que serviços de streaming estão aí, vieram pra ficar e não estão pra brincadeira, trata-se de uma forma de acesso a um rico acervo musical de alta qualidade sonora e por um preço acessível a todos. Por menos de $10 mensais, você tem acesso a milhões de músicas em seu aparelho de celular, tablet ou desktop.

O mais interessante disso é que é possível “baixar” estas músicas e ouvi-las depois sem que seja necessário estar conectado à internet mas, não pense que você irá baixa-las e sair por aí publicando em blogs para download, gravando em pendrives e usando em suas discotecagens (teoricamente não), este acesso é de forma “OFF-LINE”. Funciona assim: Você se conecta ao Spotify por exemplo,ativa o recurso “Disponibilizar OffLine” e a partir de aí, este conteúdo será baixado em um formato que só o aplicativo entende, logo, você nao terá como compartilha-lo, apenas ouvi-lo através do app.
Não está bom pra você?
Esqueci de um detalhe: O carro! Sim, um conforto que custa tão caro aos nossos bolsos precisa tocar estas músicas também, certo?

http://www.grooveshark.com
http://www.grooveshark.com
Neste caso você deverá conectar o seu dispositivo ao seu rádio automotivo utilizando a saída auxiliar e um cabo específico para este fim, fácil de encontrar em loja de bugingangas de Sta. Efigênia em São Paulo ou então em sites como Mininthebox ou DealExtreme.
Por enquanto está assim mas em um futuro muito próximo, todos nós poderemos acessar a internet direto do rádio automotivo e aí o resto você já sabe…

Além dos serviços de streaming que estão cada vez mais acessíveis, há ainda a possibilidade de você ouvir gratuitamente qualquer música por meio do Youtube. O Youtube é hoje a segunda maior ferramenta de busca da internet, perdendo apenas para o Google. Existe um acervo enorme de músicas lá! Você ainda pode criar uma playlist com todas as suas músicas preferidas e ouvi-las quando quiser, desde que de esteja conectado à internet.

http://www.8tracks.com
http://www.8tracks.com
Além disso há ainda os serviços gratuitos como: 8Tracks (o mesmo que utilizamos para criar as nossas Playlists Para o Final de Semana), o Groove Shark e tantos outros, isso sem falar na quantidade imensa de rádios online especializadas em vários segmentos. Ah! Você já conhece o Tune-In?

Pensando em tudo isso que temos à nossa disposição hoje, fica a pergunta: Porque baixar músicas?
Se você não é DJ e não aprecia músicas raras, porque gastar todo o espaço de seu computador armazenando MP3?
Durante uma conversa com alguns colegas de trabalho, percebi que nenhum deles mais baixa músicas, eu mesmo já não baixo músicas há anos e acredito que esta seja a nova tendência. Tudo na nuvem!
É o Cloud Computing trazendo mais mudanças em nossas vidas.

Esta transição pode demorar mais para alguns mas com o passar do tempo as coisas irão se igualar.
E você? Ainda baixa MP3 da web?
Deixe seus comentários.

Comentários

comentários